Select Menu

Mariologia Bíblica

Artigos

Maria no Culto

Iconografia

Maria nos Dogmas

Perpétuo Socorro

Orações Diversas

Po Polsku

» » » » O livro Bem-Aventurada,


O livro “Bem-Aventurada, Estudo Popular Sobre Maria, a Mãe de Jesus”, Pe. José Grzywacz, CSsR

No ANO DO LAICATO um estudo apropriado para os leigos e leigas sobre a missão de Maria na vida de Jesus, da Igreja e de cada um dos cristãos. A obra apresenta de forma simples e esclarecedora a explicação sobre o que é mariologia e qual é a sua importância. Os capítulos do livro seguem o tripé católico: Bíblia, tradição e magistério. Ao longo dos dez capítulos do volume, o leitor conhecerá sobre as aparições de Nossa Senhora, Iconografia, Maria no culto cristão, no Magistério da Igreja e na Bíblia, devoções e diversos outros temas relacionados à figura da Mãe de Deus.


Parte superior do formulário
·         Sinopse
“Convicto do importante lugar que Maria ocupa na vida de Cristo e da Igreja, o Padre José Grzywacz, religioso redentorista, escreveu Bem-aventurada: estudo popular sobre Maria, a Mãe de Jesus. Trata-se de um livro que nasceu de seu amor à Mãe de Jesus; de homilias, palestras e conferências que proferiu em santas missões populares; daquilo que aprendeu observando inúmeras manifestações de carinho do povo para com a Mãe de Deus.”

Dom Murilo S. R. Krieger, SCJ,
Arcebispo de São Salvador da Bahia, primaz do Brasil
 


“Este livro se destina a todos os cristãos que amam Jesus e Maria, e será útil a leigos e leigas, estudantes de Teologia, agentes de pastoral, catequistas, missionários e sacerdotes. O presente estudo nos enraíza no espírito do Concílio Vaticano II, que recomenda o culto a Maria ‘evitando tanto os exageros quanto a demasiada estreiteza de espírito’. Devemos, portanto, conhecer a Mãe de Deus e admirar suas virtudes, mas não podemos nos deter aí. É preciso passar da admiração à imitação da Virgem: ‘A verdadeira devoção a Maria não consiste num estéril e transitório afeto, nem numa vã credulidade, mas no reconhecimento da figura de Maria e no seguimento de sua vida de fé’ (LG 67).”

Irmã Maria Marina Da Mãe De Deus, OCD
Carmelo da Bahia


Ficha Técnica
Título: Bem-aventurada – Estudo popular sobre Maria, a Mãe de Jesus
Autor (a): Padre José Grzywacz, CSsR
Páginas: 312
Área de interesse: Maria, Mariologia
 “Não se pode ser cristão sem ser mariano” (Papa Paulo VI)
Convicto do importante lugar que Maria ocupa na vida de Cristo e da Igreja, o Padre José Grzywacz, CSsR,  religioso redentorista, escreveu Bem-aventurada: estudo popular sobre Maria, a Mãe de Jesus, publicado pela PAULUS Editora. A obra nasce de seu amor à Mãe de Jesus; de homilias, palestras e conferências que ministrou em missões; daquilo que aprendeu observando inúmeras manifestações de carinho do povo para com a Mãe de Deus.
Com a celebração do Ano Mariano e do Ano Jubilar do Perpétuo Socorro, Pe. José Grzywacz percorreu diversas cidades para ministrar cursos, retiros e encontros para leigos, padres e religiosos sobre a Virgem Maria. Como fruto deste trabalho, surgiu a ideia de elaborar o manual para os leigos sobre Maria.
De acordo com o autor existem dois motivos que o levou a escrever o volume. O primeiro deles é apresentar Maria na ótica certa, passar de uma “santa católica” a uma “mulher evangélica” (dos evangelhos). E segundo, passar da devoção à ação e à missão.
O leitor é convidado a se debruçar sobre o que a Bíblia ensina a respeito de Maria, o que o Magistério da Igreja definiu sobre ela e, como o povo gosta de chamá-la. Pe. José Grzywacz afirma que a obra Bem-aventurada: estudo popular sobre Maria, a Mãe de Jesus, reúne material útil e necessário para o conhecimento da vocação, da missão e da função de Maria na vida de Jesus, da Igreja e na vida dos cristãos.  A obra é fruto de leitura e consulta a mais de 90 livros sobre “aquela que acreditou”.

Pe. José Grzywacz, CSsR



SOBRE MARIOLOGIA POPULAR

Na Constituição Dogmática “Lumen Gentium”, que trata da Igreja, o Concílio recomendou que “os teólogos e pregadores da palavra divina, na consideração da singular dignidade da Mãe de Deus, se abstenham com diligência tanto de todo o falso exagero quanto da demasiada estreiteza de espírito. Sob a direção do Magistério, cultivem o estudo da Sagrada Escritura, dos Santos Padres e Doutores e das liturgias da Igreja para retamente ilustrar os ofícios e privilégios da Bem-aventurada Virgem que sempre levam a cristo, origem de toda verdade, santidade e piedade” (LG 67).
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Faça um Comentário

Bibliografia